Música
 

O trabalho de música é desenvolvido no NACPC nas áreas de atendimentos: Escola Transitória, atendimento individualizado e com as famílias. Esse trabalho é realizado através da ludicidade, de forma interdisciplinar, pois essa estratégia proporciona uma melhor interação e resultados com os grupos.

A música, o movimento e a linguagem são apresentados de forma lúdica e dinâmica, de tal maneira que a criança se sente envolvida e motivada para executar as atividades propostas pelo professor. Em nossas sessões com crianças severamente comprometidas, por exemplo, e que tem um problema de desenvolvimento da linguagem, a música, o gesto, o movimento e o ritmo organizado de uma canção facilitam a expressão possível da criança naquele momento, o que permite que essa criança se integre no contexto da aula com prazer. A música conduz à aprendizagem sem medo e inibições e conseqüentemente desenvolve a auto-estima da criança.

Alguns ritmos facilitam a funcionalidade das crianças que apresentam dificuldades motoras e são também importantes para desencadear o desenvolvimento dessas áreas. O jogo musical lúdico e prazeroso impulsiona a criança a falar, cantar, tocar e se movimentar.

Utilizamos vários instrumentos de percussão, primeiro por retratarem nossas ancestralidade e segundo por se observar que estes instrumentos causam emoção,vibração estimulado qualquer criança fazer parte de um trabalho, o que pode ser extremamente prazeroso e compensador.

Os principais objetivos das sessões de música são: aprimorar o desenvolvimento motor, estimular a percepção auditiva, sensorial, visual e a ampliação e o desenvolvimento da linguagem oral e gestual.

O trabalho é realizado de acordo com as necessidades e as potencialidades de cada criança. Nos atendimentos usamos recursos diversificados como: violão, flauta, piano, chocalhos, pandeiros, calimba, timbal, etc explorando os timbres, os movimentos sonoros, volumes e texturas de cada instrumento.

Através da observação, avaliamos o processo de evolução de cada criança, onde as informações são registradas individualmente tendo como instrumentos avaliativos o planejamento, as fichas de evolução, os relatórios e o portfolio.

Alguns projetos tiveram destaque especial, como:
“ O corpo que canta” – Esse projeto foi desenvolvido com músicas criadas em sala tendo como compositores crianças, familiares, professores e profissionais de saúde. As músicas foram trabalhadas pelas crianças explorando os movimentos corporais, cores, datas cívicas, higiene e saúde, animais, etc. Essa proposta teve como finalização uma gravação de um cd cantado por toda comunidade do Nacpc.

“A paixão de Cristo”- Esse trabalho foi realizado pelos pais tendo como etapas: 1.pesquisa através de livros e vídeos, 2. Elaboração de texto, 3. Elaboração de roteiro, 4. Ensaios, 5. Filmagem e 6. A edição do vídeo e por fim a exposição do filme.

“Era uma vez”- Esse foi um projeto interdisciplinar realizado em 2007. A proposta era trabalhar a parte musical de uma historia por mês levando em consideração a faixa etária das crianças e as datas comemorativas. Durante o processo, criamos as músicas da “Galinha Ruiva, folclore brasileiro, dia das mães, entre outras.

“Somos Todos Um”- É o projeto que está sendo trabalhado durante esse ano de 2008, temos uma grande expectativa que a proposta seja significativa para as crianças, famílias e profissionais, pois a música é foco principal para o desenvolvimento do mesmo. Com a música os trabalhos aqui ganham um rimo diferente, mais alegre e mais fácil de se entender uns aos outros.

> voltar <
 
Todos os textos e imagens apresentadas nesta Home Page pertencem ao acervo do Núcleo da Criança com Paralisia Cerebral, e, portanto, ficam proibidas a cópia do conteúdo textual e/ou utilização de imagens sem autorização formal da Organização NACPC. Esta solicitação respalda-se na Lei de Direitos Autorais No 9.610,
de 19 de fevereiro de 1998, da Constituição Brasileira.